Futuro dez mil anos da humanidade 3

Futuro dez mil anos da humanidade 3
Continuando o relato de muitos lugares e pensamentos que apontam para um futuro além dos nossos olhos, vocês vão continuar a ver, o que existe no mundo para o futuro.
E mais do que nunca, devemos acreditar que a humanidade do mundo depende do olhar otimista de vários pensadores do bem comum, que aponta para o futuro de muitas glórias de nossa raça humana, e que ela seja sempre inspiradora ao mundo.
Guidestones da Geórgia
Em junho de 1979, um homem que se passava pelo pseudônimo de RC Christian se aproximou da Elberton Granite Finishing Company com a tarefa de construir um monumento. Ele pediu que ninguém jamais saberia sua verdadeira identidade ou a do grupo que ele estava representando. Ele parecia ter um suprimento infinito de dinheiro para financiar o projeto e pelos termos do contrato legal todos os planos tinham que ser destruídos após a conclusão e todas as informações sobre ele retidas do público.Em 1980, as pedras estavam acabadas, na frente foi escrito: "Que estes sejam guidestones para uma Era da Razão". 
Gravados nas pedras estão dez diretrizes destinadas a restabelecer o planeta e a sociedade, talvez depois de um apocalipse.
Estão escritos em oito idiomas diferentes, inglês, espanhol, suaili, hindi, hebraico, árabe, chinês e russo, e entre outros mandamentos pregam para:
- Manter a humanidade abaixo de 500.000.000 em equilíbrio perpétuo com a natureza.
- Regra paixão, fé, tradição e todas as coisas com razão moderada.
- Equilibrar direitos pessoais com deveres sociais.
- Não seja um câncer na terra, deixe espaço para a natureza.
As guias também servem como um calendário astronômico, e todos os dias ao meio-dia o sol brilha através de um buraco estreito na estrutura e ilumina a data do dia em uma gravura. 
Os nomes de quatro línguas antigas estão inscritos nas laterais próximas ao topo: cuneiforme babilônico, grego clássico, sânscrito e hieróglifos egípcios. Além disso, uma instrução fala de uma cápsula do tempo enterrada sob a superfície, embora as datas em que a cápsula foi enterrada e quando ela será reaberta estejam faltando. Se isso é intencional ou a cápsula nunca foi enterrada,não sabemos.
Os Guidestones continuam a ser um ponto de controvérsia. Os teóricos e fundamentalistas da conspiração acreditam que eles sejam obra de satanistas ou da Nova Ordem Mundial, alimentados particularmente por certos mandamentos tais como: “Reproduza sabiamente o guia, melhorando a boa forma e a diversidade” que podem ser interpretados ameaçadoramente, que as pedras foram seriamente vandalizadas como tais teóricos da conspiração. Outros acreditam que eles sejam uma mensagem de  uma sábia profecia ou possivelmente o trabalho de um homem excêntrico da ciência.
No entanto, se os últimos trinta anos  ainda  não temos alguma indicação de que nandou fazer o monumento, talvez nunca saibamos quem os construiu além do que está gravado nas próprias pedras-guia: “Patrocinadores: um pequeno grupo de americanos que buscam a idade da razão”
Museu do Relógio
Um pequeno museu com mais de mil relógios e um relógio especial, este museu existe em Viena na Áustria, está alojado no Harfenhaus (Harpist's House), uma das casas mais antigas de Viena .
Este relógio especial em particular é o relógio astronómico de 230 anos, construído por um frade agostiniano em 1679, e calibrado até o ano 9999. É uma peça de engenharia maravilhosa, com camadas sobre camadas de engrenagens douradas e mais de 30 leituras e mostradores, é impressionante. Cada mão leva 20.000 anos para girar. 
Tudo é organizado em ordem cronológica, de relógios de bolso ornamentados, a um relógio de torre do século XV, relógios de sol, relógios japoneses raros, relógios de pêndulo, relógios de cuco da Floresta Negra, um órgão de relógio enorme.
Cratera de Impacto Haughton
A Cratera Haughton é uma das crateras de impacto mais setentrionais do mundo e a mais próxima de Marte na Terra,ela fica em Nunavut Canadá. Para a NASA e qualquer pessoa interessada em uma missão a Marte, essa cratera é um excelente campo de prática para o que um dia pode ser a primeira viagem humana a um planeta vizinho.
Cerca de 23 milhões de anos atrás,uma grande rocha atingiu a terra onde formou uma cratera.Está cratera em si não foi encontrada até a década de 1950, quando foi vista em fotografias aéreas. Nomeado em homenagem ao reverendo Samuel Haughton, um naturalista britânico que escreveu o primeiro relato geológico do Arquipélago Ártico, a cratera encontra-se em um tipo de ambiente desértico polar chamado de “zona de cascalho de gelo”.
 É a única cratera de impacto conhecida em tal ambiente, e apesar de ter 23 milhões de anos, sofreu pouca erosão devido à falta de água líquida e vegetação na área.
Esses fatores, juntamente com a geologia da cratera, tornam a paisagem congelada, semelhante a um deserto, uma das aproximações mais próximas do ambiente marciano que pode ser encontrado na Terra. 
A partir de 1997, o local tornou-se a base do Projeto Haughton-Mars e tenta começar a praticar para uma futura missão em Marte.
Entre as pesquisas está a FMARS ou a Estação de Pesquisa Arctic Flashline Mars, criada pela Mars Society, uma organização voluntária sem fins lucrativos dedicada à defesa do espaço e à ocupação de Marte. 
Aqui, uma equipe de seis pessoas, vestida em trajes espaciais completos, simula várias missões e cenários de emergência. Entre as pesquisas está a “Low Light Laser Therapy”, uma maneira de manter os astronautas “flexíveis e  durante a longa exposição a baixas temperaturas” e “Segurança da tripulação em situações de emergência simuladas”, que simula emergências como “despressurização de habitat”. incêndios, vazamentos de produtos químicos tóxicos, vazamentos de vestimentas de EVA, falhas de energia e emergências médicas ”.
Repositório da Montanha Yucca 
Montanha Yucca
  O Repositório da Montanha Yucca fica ao sul de Nevada nos E.U.A, é um local de  de armazenamento de resíduos de alta perigosidade nuclear. 
Selo do repositório(Departamento de energia dos E.U.A)
Em 1997, uma máquina de perfuração de 25 pés(7,62 m) de diâmetro abriu um túnel, a cerca de 5 km ao sul do portal norte.
O túnel fica a cerca de 300 metros abaixo do cume,mais importante ainda, a 300 metros acima do lençol freático geológico local. 
Isso é importante porque toda instalação construída em torno deste túnel,dentro da montanha Yucca é onde o governo dos Estados Unidos planeja armazenar grande parte do lixo nuclear de alto nível do país (HLW) pelos próximos 10.000 anos e além.
Os mais de 8 quilômetros de túneis, e cruzamentos que foram perfurados até agora na Montanha Yucca formam o que é chamado de Facilidade de Estudos Exploratórios (ESF). 
É o cenário físico de um programa de pesquisa, que custou US $ 8 bilhões até o momento, destinado a demonstrar a segurança absoluta do local da Montanha Yucca como repositório do HLW. Se o local for aprovado pela Nuclear Regulatory Commission (NRC) para receber o HLW, ele deverá suportar outros 60 milhas de túneis laterais (ramificando-se do túnel principal). 
São os túneis laterais onde o HLW será armazenado.
Kashgar Livestock Market(Mercado de gado Kashgar) 
Uns dos mais antigos mercados do mundo, que sobrevive por mais de 2 mil anos,fica na China em Kashi Diqu. É um famoso mercado de gado fora da cidade mais ocidental da China se encontra todos os domingos há milhares de anos.
 Um ponto crucial na Rota da Seda, Kashgar serviu como um oásis e posto comercial entre a China, o Oriente Médio e a Europa por muito tempo,e ainda hoje ativo não duvidaria que daqui pelos 10.000 anos ficará sempre animado.
Um Carvalho Muito Velho
Um carvalho preservado cerca de 3.500 anos de idade encontrado num edifício da prefeitura de Riga na Letónia.
Esse edifício foi destruído durante a Segunda Guerra Mundial, e reconstruído em 2003.Onde existe uma rua estreita empedrada,que tem algumas pequenas lojas e um velho carvalho deitado de lado no chão.
Este carvalho velho semi-fossilizado foi encontrado durante os trabalhos de escavação e foi preservado. Perto do carvalho tem uma pequena placa que lê:
“OAK TRUNK: Encontrado durante o trabalho de escavação para a nova Prefeitura de Riga. Cresceu na margem do Daugava 3.500 anos atrás, mais ou menos na época em que o faraó Tutankhamen era o governante do Egito ”.
Arquivos Genealógicos dos Mórmons
Há vários lugares que incorporam as ideias do Pensamento agora em longos tempos: repositórios de resíduos nucleares, locais históricos e outras estruturas de longo prazo são excelentes locais para procurar inspiração  Long Now (longo prazo). Mas há alguns lugares de difícil acesso, que é um exemplo incrível de pensamento a longo prazo.
Nas profundezas dos penhascos de granito sólidos de Little Cottonwood Canyon, fora de Salt Lake City, Utah em E.U.A . A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias tem coletado dados genealógicos de todas as fontes sobre as quais pode obter em suas mãos é de todo o mundo, por mais de 100 anos. Os Mórmons tornaram-se o maior repositório desse tipo, e os dados em si estão abertos a qualquer pessoa que use seu site, ou chegue aos seus prédios no centro de Salt Lake City. 
Entre no passado profundo e futuro desconhecido de quem gerou quem.
Relógio atômico da fonte do césio de NIST-F1
O relógio que define todos eles,O portador desse importante padrão é o NIST-F1 Relógio Atômico de Fonte de Césio, ele fica localizado no Instituto Nacional de Padrões e Tecnologia em Boulder, Colorado(E.U.A). Construído em quatro anos e oficialmente estabelecido em 2005, o F1 é o último de uma série de relógios cada vez mais precisos, responsáveis ​​por manter o tempo em todo o país dos E.U.A. 
O relógio não ganhará nem perderá um segundo nos próximos 80 milhões de anos.
Os Pinheiros Bristlecones da Grande Bacia
Em altitudes elevadas em uma região do oeste dos Estados Unidos conhecida como a Grande Bacia, uma espécie vive uma vida tranquila, isolada e extremamente longa. São os Pinheiros de bristlecone e foram encontrados os que viveram por quase 5.000 anos, mais do que qualquer outro organismo não-clonal. As árvores são excepcionalmente resistentes, sobreviveram a temperaturas muito baixas, sendo enterradas na neve e em eventos fortes fora do normal para vida humana. 
Uma árvore conhecida como Prometeu estava sendo estudada por um grupo de conservacionistas. Os cientistas extraem núcleos de árvores para contar e medir os anéis que registram seu crescimento. Muito sobre a vida das árvores e as condições ecológicas nas proximidades podem ser derivadas dessas amostras. Infelizmente, quando Prometheus foi perfurada, a ferramenta usada para esse processo quebrou dentro dela.. Ao recuperar sua ferramenta com o núcleo de Prometeu, eles determinaram que a árvore tinha vivido 4.862 anos, mais do que qualquer outro organismo vivo.
Uma árvore mais velha não foi encontrada desde então, pelo menos neste local. 
Continua....
COMPARTILHAR:
← Anterior Proxima  → Página inicial

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Futuro dez mil anos da humanidade- Final

Futuro dez mil anos da humanidade - Final  Muitas coisas foram criadas com um pensamento de que elas durem além do tempo normal que ...

Translate

Postagens mais visitadas